Etiquetas RFID

A identificação por radiofrequência, ou RFID, é um termo genérico para tecnologias que usam ondas de rádio para identificar automaticamente pessoas ou objetos. Existem vários métodos de identificação, mas o mais comum é armazenar um número serial que identifica uma pessoa ou objeto e, talvez, outras informações, em um microchip que está ligado a uma antena (o chip e a antena juntos são chamados de um transponder RFID ou uma tag RFID). A antena permite que o chip transmita a informação de identificação a um leitor. O leitor converte as ondas de rádio refletidas da tag RFID em informações digitais que depois podem ser repassadas a computadores que podem fazer uso delas.Rfid

RFID é melhor do que usar os códigos de barras?
RFID não é necessariamente “melhor” do que os códigos de barras. As duas são tecnologias diferentes e têm diferentes aplicações, que às vezes se sobrepõem. A grande diferença entre as duas é que códigos de barras é uma tecnologia de linha de visão. Isto é, um leitor tem que “ver” o código de barras para lê-lo, o que significa que as pessoas normalmente têm de orientar o código de barras em direção a um leitor para que ele seja lido. Identificação por radiofrequência, por outro lado, não requer linha de visão. Tags RFID podem ser lidas desde que estejam dentro do alcance de um leitor. Códigos de barras têm outras deficiências também. Se um rótulo está rasgado, sujo ou caiu, não há nenhuma maneira para digitalizar o item e códigos de barras padrão identificam apenas o fabricante e o produto e não o item individual. O código de barras em uma caixa de leite é o mesmo que todos os outros, tornando impossível identificar qual deles pode passar a data de validade primeiro. Outra diferença fundamental é que na leitura por ondas de rádio, de dezenas a centenas de itens podem ser lidos por segundo sem erros, por utilizar uma tecnologia anti-colisão similar à comunicação via rede, enquanto o código de barras precisa necessariamente ser lido um item por vez. Isso significa o fim das filas e a redução dos tempos de inventários numa ordem de grandeza de 10 para 1.

De que forma as empresas utilizam RFID hoje?
Milhares de empresas ao redor do mundo utilizam RFID hoje para melhorar a eficiência interna. Club Car, fabricante de carrinhos de golfe, usa RFID para melhorar a eficiência de sua linha de produção. Paramount Farms – um dos maiores fornecedores do mundo de pistaches usa RFID para gerenciar sua colheita de forma mais eficiente. NYK Logistics usa RFID para melhorar a taxa de transferência de recipientes em seu movimentado centro de distribuição em Long Beach, Califórnia. E muitas outras empresas estão usando RFID para uma ampla variedade de aplicações.
O Exército e a Aeronáutica no Brasil são pioneiros no uso da tecnologia RFID em fardamentos; fabricantes de produtos de consumo como impressoras de jato de tinta / laser beneficiam seus produtos desde a fabricação até a logística com etiquetas inteligentes, reduzindo o preço final de seus cartuchos; as principais cadeias de moda identificam suas roupas com RFID, aumentando o giro, melhorando a eficiência logística e reduzindo as filas; as principais corridas de rua do Brasil utilizam os produtos RFID da Ready Rótulos; muitos condomínios residenciais estão substituindo seus controles remotos pelos nossos tags especiais RFID com segurança anti-clonagem.

Quais são algumas das aplicações mais comuns para o RFID?
RFID é usado para tudo, desde rastreamento de vacas e animais de estimação a acionamento de equipamentos em poços de petróleo. Pode parecer banal, mas as aplicações são limitadas apenas pela imaginação das pessoas. As aplicações mais comuns são os sistemas de pagamento (Mobil Speedpass e sistemas de cobrança de pedágio, por exemplo), controle de acesso e controle de ativos. Cada vez mais, varejo, vestuário, aeroespacial, defesa, indústria, bens de consumo embalados e empresas farmacêuticas estão procurando usar RFID para rastrear mercadorias no interior de suas cadeias de fornecimento. Prestadores de cuidados de saúde, produtores de energia e empresas de construção estão usando sistemas RFID ativos para acompanhar grandes equipamentos, ferramentas e veículos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *